Estado paga R$ 400 para famílias de baixa renda com verba do ICMS


O Governo do estado do Rio Grande do Sul, por meio do Devolve ICMS, está pagando R$ 400 para famílias carentes. Este programa do Governo tem a intenção de devolver o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) para estas famílias em quatro parcelas de R$ 100,00 distribuídas em 1 ano, de forma trimestral.

É provável que você também goste:

Mais de 150 mil famílias ainda não retiraram cartão Cidadão

Auxílio emergencial ainda terá pagamentos em 2022; confira como receber

O programa Devolve ICMS será válido para famílias cadastradas no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais) com os mesmos critérios que o Auxílio Brasil para receber. O benefício também valerá para quem tenha um familiar inscrito na rede estadual de ensino médio. 

Devolve ICMS

O benefício contemplará 432 mil famílias de forma justa, pois a população carente é a que mais paga impostos de acordo com a renda familiar. O benefício será pago pelos recursos do próprio estado.

Para receber o auxílio, será necessário cumprir algumas regras, como renda familiar per capita de até R$ 89 mensais ou R$ 178 para famílias com gestantes, crianças e adolescentes. Além disso, é necessário estar com o CadÚnico atualizado há pelo menos dois anos.

Cartão Cidadão Devolve ICMS

O Cartão Cidadão foi criado pelo Governo do RS para que os beneficiários recebam o valor devolvido do ICMS e a primeira parcela do auxílio foi já foi paga. Até agora, 270 mil famílias fizeram a retirada do Cartão Cidadão Devolve ICMS. 

O cartão é utilizado para débito e é usado em mais de 100.000 lugares, como mercados, padarias, farmácias, entre outros. Eles estão sendo entregues em Porto Alegre. Veja quais são os lugares:

  • No prédio da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social;
  • Endereço: Av. Borges de Medeiros, 521 – Centro Histórico;
  • Retirar até 31 de Janeiro de 8h ao meio-dia;
  • Agências da Banrisul: com horário bancário do município.

Quais documentos necessários?

  1. Documento de identificação regular com foto e CPF;
  2. Usar máscara é essencial;
  3. Caso não saiba se possui direito ao Devolve ICMS, consulte aqui.

Este programa estimula a cidadania fiscal, pois a arrecadação do estado cresce de acordo com o uso das notas fiscais, então, sempre peça nota fiscal dos produtos. 

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então, siga-nos no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Governo do Estado do Rio Grande do Sul (divulgação).





Link da fonte

Deixe uma resposta