Nubank já vale mais que Itaú, entenda


Em 2013, o Nubank foi criado como uma proposta audaciosa. A ideia era tornar os processos que até então eram burocratizados nos bancos tradicionais em procedimentos ao alcance de um clique. Em suma, a fintech buscou acabar com o padrão de portas giratórias, filas e extratos complexos. Além disso, buscou aproximar os clientes de uma experiência digital e satisfatória, o que foi um grande diferencial para a empresa. E pasme: o Nubank já vale mais que o bancão tradicional Itaú.

É provável que você goste também

Nubank libera aumentos e até DOBRA limite dos clientes às vésperas do Natal

Problemas com Nubank? Veja como falar com a ouvidoria do banco

Nubank: BDR já teve quedas desde a estreia, entenda como variação de preços funciona

Nubank já vale mais que Itaú

Em suma, o primeiro produto, um cartão de crédito sem anuidade e 100% controlado via app, já representou um grande salto. Desde então, o número de produtos e possibilidades da fintech aumentou muito à medida que participava de novas rodadas de investimentos.

Atualmente, os clientes do Nubank contam com uma conta grátis que rende 100% do CDI, cartão de crédito e débito, pagamento de boletos, empréstimo, seguro de vida e a possibilidade de fazer investimentos na Nu invest. Além disso, a fintech expandiu as suas operações e hoje tem filiais no México e na Colômbia.

Ademais, o marketing do roxinho está conquistando cada vez mais os jovens. O Nubank, que tem Anitta como conselheira, tem mais de 40 milhões de usuários. E pasme: apesar de tudo isso, a  fintech reportou um lucro líquido, pela primeira vez, somente no 1º semestre de 2021, quando alcançou o resultado positivo de R$ 76 milhões.

No início deste mês, o Nubank abriu capital na NYSE (Bolsa de Nova York) e estreou no mercado valendo US$ 41,5 bilhões. Ou seja, mais que o centenário Itaú Unibanco – que lucrou R$ 6,8 bilhões no 3º trimestre – e todas as demais instituições financeiras da América Latina.

Por fim, atualmente o Nubank está valendo US$ 47,6 bilhões. Enquanto isso, o Itaú está avaliado em cerca de US$ 40 bilhões. Em seguida, na lista de bancos mais valiosos do Brasil, aparece o Bradesco, avaliado em US$ 36,2 bilhões, e o Santander Brasil, valendo US$ 22 bilhões.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Jo Galvao / shutterstock.com





Link da fonte

Deixe uma resposta