Tesouro Direto terá título com foco em aposentadoria em 2022


Paulo Valle, o secretário do Tesouro Nacional, informou em entrevista que o governo pretende lançar um título do Tesouro Direto com foco na aposentadoria. Esta modalidade de aplicação deve estar disponível para venda pela internet a partir de 2022.

Inicialmente, o objetivo é que o título seja uma forma de preparação para a aposentadoria. No entanto, para isso, o investidor ficará acumulando os rendimentos durante 30 ou 40 anos, e só receberá o pagamento dos juros do papel após sua aposentadoria.

É provável que você também goste:

Nubank: menor de idade pode ter conta na corretora Nu invest?

Mega da Virada: quanto renderiam os R$ 350 milhões do prêmio na poupança?

Tesouro Direto: investimentos superam saques em R$ 1,3 bilhão em novembro

Valle afirmou que “hoje, o mercado de previdência fala muito da rentabilidade. Não fica claro qual é a renda que o poupador vai ter. Temos que mirar a renda”.

O fundamento do título está relacionado a quanto o investidor quer receber quando aposentado. Sendo assim, o investidor pode fazer uma simulação do valor e tempo necessário para aplicar para atingir o valor que deseja receber. 

Tesouro Direto e ESG

O Tesouro também estuda emitir títulos públicos com a marca ESG (meio ambiente, social e governança, na sigla em inglês), que são voltados à responsabilidade ambiental, cuidado social e governança corporativa. Sobretudo, os estudos continuarão sendo feitos em 2022, e o projeto é que o lançamento seja feito primeiro no mercado internacional.

O subsecretário da Dívida Pública do Tesouro, Otavio Ladeira de Medeiros, anunciou que o governo está definindo quais indicadores serão usados como referência para esse tipo de título. 

De acordo com Ladeira, “a discussão está bem avançada” e “envolve uma agenda verde, um compromisso do país”. Um dos caminhos seria inserir o título a um programa social com metas para tirar pessoas da pobreza.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Mind Pixell / Shutterstock.com





Link da fonte

Deixe uma resposta